Sua vida
mais AZUL

21
MAR

Melancia pode funcionar como estimulante sexual natural

Dicas de saúde em
Todos já conhecem aquela velha indicação dos nutricionistas para que substituam o doce pela fruta na hora da sobremesa. No entanto, no caso da melancia, a escolha pode trazer mais benefícios do que o esperado.

Uma pesquisa realizada pela Universidade do Texas, nos Estados Unidos, demonstrou que a fruta contém uma alta quantidade de citrulina, um aminoácido que participa do ciclo da ureia e pode estimular a recuperação celular e vascular da região peniana, agindo como um "estimulante sexual natural". Mas é importante lembrar que o uso de substâncias naturais não compensa um hábito prejudicial, como, por exemplo, o fumo. É fundamental associar o tratamento a práticas saudáveis.

Outro efeito da melancia é a ação antioxidante, graças à presença do licopeno em sua composição, auxiliando na prevenção do câncer de próstata. O ideal é consumir a fruta inteira logo que for comprada, evitando que o efeito seja perdido. Caso não seja possível, uma dica é cortar a primeira camada da fruta que já está aberta, antes de consumir o resto.

Além disso, vale lembrar que a melancia é uma fruta composta por mais de 90% de água e, portanto, pode ser considerada um hidratante natural. Seu poder de saciedade também é considerável, e é indicado o consumo como um lanchinho, mas sem adição de açúcar, principalmente para quem sofre de diabetes.

Os diabéticos, por sua vez, devem consumir a melancia com um pouco mais de cuidado, pois ainda que a fruta seja pouco calórica, seu índice glicêmico é alto. A dica é consumir a melancia com outras frutas na sobremesa, como suco, ou acompanhada de grãos integrais.

A melancia também é rica em vitaminas do Complexo B, e sais minerais como cálcio, ferro e fósforo.